147 Receitas Low Carb

147 Receitas Low Carb

Se você não aguenta mais fazer dietas malucas que usam apenas alimentos sem graça e sem sabor, já está cansada de ter que ficar passando fome ou se matando na academia para emagrecer, a alimentação low carb pode te ajudar bastante!

A Dieta Low Carb consiste em um plano alimentar saudável, no qual a ideia central é a redução do carboidrato de alto índice glicêmico, dando preferência aos alimentos naturais que apresentam baixo índice glicêmico, ou seja, alimentos cujo açúcar é absorvido mais lentamente, não ocorrendo pico de glicose ou insulina no organismo.

Dessa forma, o corpo é obrigado a usar a gordura como fonte de energia, o que ajuda muito o processo de emagrecimento e a obtenção de mais saúde.

Através da receitas para café da manhã, almoço, jantar e sobremesas do eBook 147 Receitas Low Carb, você irá emagrecer de forma saudável sem precisar ficar contando calorias ou passar fome, e ainda por cima comendo muitos dos alimentos que você mais gosta!

comprar as 147 Receitas Low Carb

Entenda como ter um emagrecimento rápido com esta dieta


Alimentos permitidos e proibidos na low carb

Apos entender a logica de funcionamento da low carb, chegou a hora de descobrir alguns alimentos que podem ou nao serem consumidos sem ter medo. Mas sempre lembre-se de conversar com um nutricionista antes de alterar sua alimentação, pois é ele quem vai indicar o respectivo melhor cardápio que agrade a sua saude tanto quanto a dieta!

Alimentos permitidos:

  • As proteínas permitidas são: carnes variadas, como de vaca, porco e galinha; todo tipo de peixe e frutos do mar;
  • Ovos;
  • Oleaginosas também estão liberadas, como nozes e sementes, como a de abóbora e girassol; Ovos;
  • Laticínios como queijo, manteiga, creme de leite e iogurte, por exemplo também podem fazer parte do cardápio;
  • As Gorduras boas e óleos saudáveis, como óleo de coco, manteiga, azeite de oliva e óleo de peixe podem ser ingeridos

Alimentos proibidos:

  • Alimentos que contêm açúcar refinado encontrado em produtos como refrigerantes, sorvete e bolos;
  • Grãos fontes de glúten, como trigo, centeio e cevada;
  • Alimentos ricos em gordura trans;
  • Produtos light, pois pois costumam ser ricos em carboidratos;
  • Alimentos industrializados e processados também não podem fazer parte da dieta.

Obs: Os itens proibidos não significam que devem ser extintos de sua alimentação, apenas quer dizer que devem ser controlados de maneira a reduzir seu consumo, pois vale lembrar que se segurar demais de maneira que chegue a passar muita vontade pode levar você ao famoso efeito sanfona

Benefícios da redução de carboidratos

Não é apenas a silhueta que sai ganhando com a adesão à low carb. Na verdade, o organismo inteiro é beneficiado. Confira os principais pontos positivos dessa dieta:

  • Mais saciedade

Quando a pessoa corta quantidades significativas de carboidratos, é normal que consuma mais gorduras boas e proteínas. Com isso, a sensação de fome fica reduzida, fator que contribui diretamente na perda de peso.

  • Diminui os níveis de triglicerídeos

Apesar do nome estranho, os triglicerídeos são moléculas de gordura e o nível deles no sangue indicam o risco de doenças cardíacas. Um dos principais causadores do aumento dessa substância é o consumo exagerado de carboidratos, principalmente na forma de frutose. Ou seja, ao aderir à low carb, é normal notar a redução dos índices de triglicerídeos, favorecendo a saúde do coração.

  • Melhora o colesterol

O colesterol é uma gordura que se encontra ligada a proteínas e que está presente na corrente sanguínea, atuando na cicatrização e em reservas energéticas, formando uma camada gordurosa. Dessas proteínas, as mais famosas são a LDL (colesterol ruim) e o HDL (colesterol bom).

Uma das melhores maneiras de aumentar o HDL é ingerindo alimentos fontes de gorduras boas, como azeite e salmão. Considerando que a low carb prioriza o consumo desse tipo de alimento, não é surpresa descobrir que os níveis de colesterol bom aumentam, protegendo o coração.

  • Controla a glicemia

Todos os alimentos fontes de carboidratos se transformam em glicose após ingeridos e aqueles do tipo simples (encontrados em pães, bolos, arroz ou macarrão) passam por essa transformação de forma muito rápida, o que faz a glicemia no sangue subir de uma vez só, exigindo mais da insulina. Com o tempo, o excesso de carboidratos pode, inclusive, facilitar o surgimento de diabetes. Então, reduzir seu consumo é benéfico para a saúde por controlar a glicemia.

Os três erros mais comuns da dieta Low-Carb

Quando o assunto é perder peso um dos maiores inimigos se tornam os carboidratos de forma que o desespero a emagrecer pode levar a cometer erros pequenos erros, portanto vale salientar que o exagero pode te levar para um mal caminho então para evitar alguns dos erros mais bobos vejamos a baixo os tópicos

  • Zerar totalmente os carboidratos

Pense no seu corpo como um carro e seu combustível é carboidratos. Um carro não consegue andar sem gasolina, certo?! Pois bem, acontece a mesma coisa com o seu corpo, ele não pode funcionar sem carboidratos. Seu cérebro funciona graças a glicose, que vem justamente dos carboidratos, por isso, sem ele você vai se sentir cansado, com a cabeça mais devagar, lento, e irritadiço. Além disso, cortar completamente os carboidratos só fará seus desejos fiquem ainda mais forte, de modo que, quando você se deparar com uma situação como a entrega de uma pizza no escritório, você não vai conseguir se segurar e o pior, vai acabar comendo mais de quatro pedaços de pizza.

De acordo com os especialistas, seu corpo precisa de, pelo menos, 120 a 130 gramas de carboidratos por dia – cerca de 30 a 40 por cento de sua dieta. Fiquem de olho!

  • Não comer os carboidratos certos

Nem todos os carboidratos são iguais. Ignorar os carboidratos refinados e consumir excessivamente os processados, como pão branco, massas, biscoitos e bebidas açucaradas é o perigo. Recomenda-se de meio a um copo de cereais integrais como quinoa ou farinha de aveia e de uma a duas peças de fruta por dia. Isso irá manter seus carboidratos baixos o suficiente para perder o peso e permitir que seu corpo tenha a energia suficiente para funcionar. Além disso, eles também oferecem vitaminas e minerais valiosos que seu corpo precisa para ter um sistema imunológico forte. Então, sem radicalismos!

  • Não controlar as porções

Baixo teor de carboidrato não significa automaticamente ser ou ter baixa caloria na sua dieta, e só porque você não está comendo espaguete ou arroz branco não significa que você não está comendo demais outros alimentos! Preste atenção com as quantidades, esse é o segredo quando se trata da perda de peso. Caderninho na mão e calculadora ligada!

O que fazer quanto ao que comer? o que indicamos?

O mais comum seria a procura de um nutricionista para corrigir sua alimentação assim como aplicar a dieta low carb entretanto sabemos que nem todo mundo tem condições financeiras de ficar pagando uma nutricionista para supervisionar a sua alimentação ou até mesmo de sua família portanto indicamos para você um E-book com 147 receitas Low Carb contendo pratos para refeições desde o café da manha ate a janta sem esquecer das sobremesas e para adquirir esse arsenal basta clicar no botão "sim! eu quero emagrecer!"

Portanto você quer emagrecer seguindo a dieta Low Carb?
comprar as 147 Receitas Low Carb
Outros artigos
Em breve...